EMPREENDEDORISMO, INOVAÇÃO E MARKETING: UMA ANÁLISE DE UMA INDÚSTRIA DE CHÁS DA REGIÃO METROPOLITANA DE SÃO PAULO

  • Davi de França Berne
  • Roberto Coda

Resumo

As organizações apresentam mudanças relevantes no modo como são administradas ao se adotar medidas inovativas. Diariamente produtos inéditos são gerados, melhores oportunidades de se explorar o mercado e processos de produção e de gestão inovadoras surgem. Sendo assim, o gerenciamento de inovação é atualmente para as empresas fator importante e atribuição de grande responsabilidade de seus condutores (SOUSA, 2006). 

Biografia do Autor

Davi de França Berne

UNIFACCAMP.

Roberto Coda

UNIFACCAMP

Referências

BARBOSA, R. A. Estratégias de inovação à luz da visão baseada em recursos: um estudo na EMBRAPA. Dissertação (Mestrado) – UFPB/CCSA. João Pessoa, 2013.
BESSANT, J.; TIDD, J. Inovação e empreendedorismo. Porto Alegre: Bookman, 2015.
BOONE, L. E.; KURTZ, D. L. Marketing contemporâneo. São Paulo: Cengage Learning, 2009.
CANESQUI, AM., and GARCIA, RWD., orgs. Antropologia e nutrição: um diálogo possível [online]. Rio de Janeiro: Editora FIOCRUZ, 2005. 306 p. Antropologia e Saúde collection. ISBN 85- 7541-055-5. Available from SciELO Books.
DORNELAS, J. C. A. Empreendedorismo Corporativo. Rio de Janeiro: Elsevier, 2008.
FERRELL, O. C., HARTLINE, M. D. Estratégia de marketing. São Paulo: Thomson Learning, 2006.
FRADE, P. A expansão global da comida de rua e sua importância. Disponível em:http://www.petitgastro.com.br.
FREIRE, A.Q., LUCENA, R.G. Empreendedorismo, inovação e marketing: uma análise no Qoma Food Trailer. XIX SEMEAD Seminários em Administração novembro de 2016, ISSN 2177-3866.
GEM – Global Entrepeneurship Monitor. Empreendedorismo no Brasil: Relatório Executivo 2014.
JIMÉNEZ, D.J., VALLE, R.S. Innovation, organizational learning, and performance. Journal of Business Research 64, p. 408-417, 2011.
KOTLER, P.; KELLER, K. L. Administração de Marketing. Pearson Prentice Hall. São Paulo, 2006.
KOTLER; P. ARMSTRONG, G. Principles of Marketing. Pearson Prentice Hall, 10th ed., 2003.
LENGLER, J. F. B.; VIEIRA, M. M. F.; FACHIN, R. C. Um exercício de desconstrução do conceito e da prática de segmentação de mercado inspirado em Woody Allen. RAE, v. 42, n. 4, p. 84-92, 2002.
LEWANDOWSKI, M.B. LEPTINA: mecanismos de ação na obesidade. Rio Grande do Sul, Centro Universitário Franciscano, p. 30-36, 2006.
LONGENECKER, J. G. et al. Administração de pequenas empresas. São Paulo: Thomson Learning, 2007.
MELLO JÚNIOR, S. M. Longevidade das micros e pequenas empresas prestadoras de serviços: um estudo das dimensões organizacionais e suas implicações. Fundação Getúlio Vargas. Tese (doutorado), Rio de Janeiro, 2012.
MESQUITA, J. M. C.; LARA, J. E. O preço como fator de diferenciação: análise do setor supermercadista. RAUSP, v. 42, n. 1, p. 42-51, 2007.
PINHEIRO, A.R. O. F.; TORRES, S. F.; CORSO, A. C. T. Uma abordagem epidemiológica da Obesidade. Revista de Nutrição, Campinas, v.17, n.4, p.523-533, 2004.
PINHEIRO, A.; RECINE, E.; CARVALHO, M.F. O que é uma alimentação saudável: considerações sobre o conceito, princípios e características : uma abordagem ampliada. Ministério da Saúde, Brasília, 2005.
POMBO, A. A. R. O que é ser empreendedor. EEEAD 6407D759003256D520059B1F8/FILE/NT00001D9A.
QUEIROZ, T. S.; SOUZA, T.; GOUVINHAS, R. P. Estratégias de marketing como um diferencial na escolha do supermercado de bairro. Revista de Administração Mackenzie – RAM. v. 9, n. 3, p. 58-84, 2008.
RAM, J.; CUI, B.; WU, M. The Conceptual Dimensions of Innovation: A Literature Review. International Conference on Business and Information, Sapporo, Japan, 3rd-5th July, 2010.
ROBBINS, S.; DECENZO, D. A. Fundamentos da administração: conceitos essenciais e aplicações. São Paulo: Pearson, 2004.
SEBRAE. Food Truck: Modelo de negócio e sua regulamentação. Acesso em 04 abr. 2016.
SOUSA, J. C. Processo de inovação em abordagem multidisciplinar. Gestão.Org, v. 4, n. 2, Mai./Ago. 2006.
VARADARAJAN, R. Strategic marketing and marketing strategy: domain, definition, fundamental issues and foundational premises. Journal of the Academy of marketing Science, Greenvale, v. 38, n. 2, p.119-140, April, 2010.
VRAKKING, W. J. The Innovative Organization. Long Range Planning, v. 23, n. 2, p. 94102, 1990.
YIN, R. K. Estudo de caso: planejamento e métodos. Porto Alegre: Bookman, 2010.
Publicado
2019-10-08