SISTEMA DE COLETA E LOGÍSTICA VERDE DE GARRAFAS PET NO BRASIL: SUA APLICAÇÃO NO USO FINAL

  • Alexandre Formigoni
  • Keliane Gomes da Costa Belizário
  • Maria Luiza da Silva Gomes
  • Telma Regina Bueno
Palavras-chave: PET, logística verde, coleta seletiva, reciclagem, sustentabilidade

Resumo

Procura-se abordar nesta pesquisa a situação da reciclagem de garrafas PET no Brasil, apresentando-a como altamente competitiva para a economia do país, alternativa de geração de renda para grande parte da população e inclusão socioambiental. Mostra ainda que o principal princípio da logística verde é atender a sustentabilidade ambiental, de forma a reduzir o impacto ambiental que eles causam, como o da produção limpa, onde quem produz deve responsabilizar-se também pelo destino final dos produtos gerados. Tem como objetivo mostrar as muitas vantagens e benefícios ao se reciclar ou reaproveitar um material PET, destacando resultados representados em gráficos onde analisaremos seu crescimento, benefícios, produto final e a forte tendência da logística verde aplicada no sistema de coleta de garrafas PET no Brasil.

 

Biografia do Autor

Alexandre Formigoni

FATEC-Guarulhos, SP

Keliane Gomes da Costa Belizário

FATEC-Guarulhos, SP

Maria Luiza da Silva Gomes

FATEC-Guarulhos, SP

Telma Regina Bueno

FATEC-Guarulhos, SP

Referências

Armazenagem do PET – Disponível em: . Acesso em: 19/08/2017.
Anvisa libera PET reciclado para alimento e bebida: Disponível em: . Acesso em: 10/09/2017.
ABIPET- Associação brasileira de indústria do PET: . Acesso em 28/082017.
BALLOU, Ronald H. Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos - 5.ed.: Logística Empresarial. Editora Bookman, 2009.
Benefícios das garrafas de PET (ABIPET). Disponível em: . Acesso em:12/09/2017.
Benefícios da reciclagem. Disponível em: . Acesso em 20/08/2018.
CEMPRE - Compromisso Empresarial para Reciclagem, 2017. Disponível em: . Acesso em 26/08/2017.
Coleta Seletiva, (CEMPRE). Disponível em: . Acesso em: 08/09/2017.
Censo da Reciclagem de PET no Brasil. Disponível em: . Acesso em: 15/09/2017.
Coleta Seletiva. Disponível em: http://www.mma.gov.br/cidades-sustentaveis/residuos-solidos/catadores-de-materiais-reciclaveis/reciclagem-e-reaproveitamento. Acesso em: 10/11/2017.
CETESB - Logística Reversa. Disponível em: . Acesso em:09/09/2018
DONATO, V. Logística verde: uma abordagem socioambiental. Rio de Janeiro: Editora Ciência Moderna Ltda, 2008.
Empresas modelo em responsabilidade socioambiental. Disponível em: . Acesso em: 10/09/2017.
Empresas Líderes em Sustentabilidade. Disponível em: . Acesso em: 10/09/2017.
Federação Britânica de Plásticos (BPF). Disponível em: . Acesso em 28/08/2018.
FREITAS FILHO, P. J. Introdução a Modelagem e Simulação de Sistemas com Aplicações em Arena. 2.ed. Florianópolis: Visual Books, 2008.
KEEDI, Samir; MENDONÇA, Paulo C.c. de. Transportes e seguros no comércio exterior. 2. ed. São Paulo: Aduaneiras, 2000.
LOGÍSTICA REVERSA. Disponível em: < http://www.mma.gov.br/informma/item/14819-noticia-acom-2018-06-3048.html>. Acesso em:10/09/18.
Impactos Ambientais. Disponível em: . Acesso em 20/08/2018.
Lei 12.305, 2 de agosto de 2010 – Institui a Política Nacional dos Resíduos sólidos. Disponível em: < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2010/lei/l12305.htm >. Acesso em 08/09/2017.
MANO, Eloisa Biasotto; PACHECO, Élen B. A. V; BONELLI, Cláudia M. C. Meio Ambiente, Poluição e Reciclagem. São Paulo: Editora Edgard Blucher LTDA, 2010.
Política Nacional de Resíduos Sólidos, Lei Federal nº 12.305, de 02 de agosto de 2010. Disponível em: . Acesso em: 08/09/2017.
Produção de lixo nas cidades brasileiras, (MMA) levantamento do ministério do meio ambiente. Disponível em: . Acesso em: 05/09/2017.
QUIUMENTO, F. Logística Verde: Uma nova visão para a Logística com atividade humana integrada ao ambiente. 2012. Disponível em: . Acesso em: 26/082017.
STRAETE, E. P. Innovation and changing “worlds of production”: case-studies of Norwegian dairies. European Urban and Regional Studies, v.11, n.3, p. 227-241, 2004.
Publicado
2020-04-05